Descubra quais as expectativas dos jovens profissionais de hoje

Natália Collor

Os jovens profissionais de hoje não querem apenas sobreviver em seus empregos. Desse modo, eles querem prosperar em ambientes saudáveis, ser tratados com respeito e contribuir com suas habilidades.

Uma pesquisa realizada pelo Grupo Cia de Talentos mostrou quais são as emoções que o trabalho tem despertado nas pessoas. Primeiramente, o que os jovens esperam das empresas que trabalham? Quais as principais características que estes profissionais esperam do mercado de trabalho?

Foram entrevistados estudantes, recém formados, coordenadores, gerentes e presidentes de empresas para entender estes comportamentos. Entre os resultados apontados pela pesquisa, estão alguns tópicos que os jovens profissionais esperam do ambiente de trabalho:

  • Empregos que se ajustem ao seu estilo de vida;
  • Oportunidade de crescimento;
  • Conexão de profissionais com propósitos maiores para suas vidas.

Com a finalidade de ter estes objetivos alcançados, os respondentes acreditam que é necessário construir uma relação profissional positiva para pessoas e empresas.

Quer saber mais sobre empregabilidade? Baixe o e-book 5 motivos para considerá-la um diferencial estratégico da sua IES

Quais fatores influenciam em um bom ambiente profissional?

Cultura de alta confiança

Os jovens profissionais esperam que as empresas expressem verdade em suas ações. Sobretudo, querem que as lideranças sejam transparentes em suas atitudes e coerentes nas práticas profissionais.

Permanecerem autênticos

A ânsia é por um ambiente em que as pessoas possam expressar sua identidade e ser autênticas. Sob o mesmo ponto de vista, seu estilo de vida pode ser exposto sem julgamentos.

Trabalhar com propósito

São esperadas experiências que possibilitem as pessoas avançarem em direção a um objetivo. Dessa maneira, que eles tenham propósito e significado pessoal e profissional.

jovens-profissionais
Foto: Pexels

E no fim do dia?

Nesse sentido, outro ponto interessante que a pesquisa apontou é o sentimento dos profissionais ao fim de uma jornada de trabalho. 62% dos jovens e alta liderança têm o sentimento de que atingiram boa parte dos objetivos ao fim do dia.

A frustração em não cumprir os objetivos ao fim do dia, está presente  13% dos jovens respondentes. Posto que, o número sobe para 18% entre as pessoas de média gestão e para 20% em alta liderança.  25% dos jovens ficam, no fim do dia, com a sensação de que fizeram tudo que deveriam, porém não lhes resta energia para mais nada. Na média gestão, sob o mesmo ponto de vista, esse número fica nos 23% e na alta gestão cai para 18%.

Como lidar com as expectativas dos jovens profissionais

A partir da pesquisa, as empresas e ao mesmo tempo, os próprios profissionais precisam entender como agir nesses ambientes que estão em transformação. Uma pesquisa realizada pela Accenture Strategy Global Consumer Pulse mostrou que 87% dos brasileiros desejam que as empresas sejam transparentes. Isso mostra que a demanda hoje não é por empresas perfeitas, mas por empresas em que se possa confiar.

Ouça mais

A indicação da própria Cia de Talentos é de que a construção da confiança depende de saber ouvir. Nesse sentido, ouvir o que as diferentes pessoas envolvidas na empresa estão dizendo sobre o que precisa mudar é essencial. Por isso, estar aberto para receber críticas e evoluir é parte do crescimento.

Proporcione e tenha uma vida integrada

Em resumo, as pessoas querem viver uma vida profissional que faça sentido, que seja coerente com aquilo que acreditam. Em outras palavras, respeitar uma vida integrada por parte dos profissionais, em que possam exercer todos os seus papéis e expressar sua identidade pessoal.

jovens-profissionais-conexao
Foto: Pexels

Crie e fortaleça laços

Acima de tudo, hoje os profissionais querem trabalhar em um ambiente profissional em que as relações pessoais sejam positivas e construtivas.

Estimule a autonomia

Mais uma questão que a Cia de Talentos levanta é que quando organizações não constroem uma cultura organizacional e um ambiente de trabalho em que as pessoas possam ser elas mesmas, estão deixando de estimular a produtividade e a autonomia. Em resumo, estão impedindo o desenvolvimento das pessoas e o crescimento do negócio.

Coloque os jovens profissionais nas vagas que eles mais se encaixam

Parece óbvio, mas se deve dar aos jovens profissionais a chance de escolherem quais competências desejam desenvolver. Por fim, preciso também oferecer tempo e espaço para as coisas acontecerem, permitindo que os profissionais cresçam e evoluam.

Leia também:

Deixe um Comentário